Netflix aumenta preços em outros países e vai remover plano básico do Brasil

Foto de uma pessoa segurando um controle mexendo em uma televisão que está com acesso à Netflix - Foto: O Milênio

A Netflix confirmou nesta quarta-feira (18) que haverá um novo aumento de preços para as assinaturas do serviço de streaming. A mudança começou nos Estados Unidos, Reino Unido e França. Além disso, a companhia removerá a opção de assinar o plano Padrão (Básico) no Brasil.

Nos EUA, os valores passam de US$ 9,99 para US$ 11,99 no plano Básico, e de US$ 19,99 para US$ 22,99 no Premium. O modelo mais barato de assinatura, que também contempla anúncios, continua sob o mesmo preço de US$ 6,99.

Em nota, a Netflix explica que desde o lançamento da nova política de compartilhamento de senhas, os preços se mantiveram os mesmos. No entanto, “à medida que entregamos mais valor aos nossos membros, nós ocasionalmente pedimos a eles que paguem um pouco mais” pelo uso do serviço.

No Brasil, atualmente, os preços da Netflix são de R$ 18,90 (Padrão com anúncios), R$ 39,90 (Padrão) e R$ 55,90 (Premium).

Fim do plano Básico/Padrão no Brasil

Ainda no anúncio de resultados fiscais do terceiro trimestre do ano, a Netflix confirmou que removerá a opção de assinar o plano Padrão (Básico) no Brasil na próxima semana. A medida também afetará a Alemanha, Espanha, Japão, México e Austrália.

A companhia explica que essa é uma medida impulsionada, principalmente, pela remoção do mesmo plano nos EUA, Reino Unido e Itália. Segundo a Netflix, isso fez com que a adoção dos planos com anúncio e Premium fosse impulsionada.

Por outro lado, clientes assinantes do plano com anúncios receberão novos recursos a partir do próximo mês. A empresa destaca que será possível realizar o download de vídeos, embora não tenha estipulado uma data precisa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here