Projeto social beneficia deficientes no distrito de Travessão, em Campos

O Centro Social Maria, em Campos, é um projeto que foi criado há 2 anos, por uma mulher que é mãe de uma criança especial. A instituição presta ações sociais para famílias que tem pessoas deficientes no distrito de Travessão. 

Maria Eduarda Sales, criadora e fundadora do projeto, tomou a iniciativa de reunir um grupo de amigos e voluntários para criar um projeto que atendesse a demanda dos pais de crianças especias de Travessão, já que os centros de atendimentos para tratamento são localizados apenas na área central de Campos.

”Com a grande demanda de deficientes em Travessão, Morro do Coco, Murundu, Santa Maria e Santo Eduardo, que são localidades que nós, mães, não temos acesso aos atendimentos com terapias, e por isso precisamos nos deslocar até a área central de Campos com nossas crianças. Vi que estávamos necessitando de ajuda, e então, resolvi criar este projeto, que já completou 2 anos de existência e muita luta. Já somos 140 famílias sendo atendidas.” declarou Maria Eduarda Sales. 

No projeto, as famílias assistidas são cadastradas para receberem visitas dos voluntários, assistências, doações e cestas básicas. 

No final de março, as 140 famílias assistidas pelo Centro Social Maria, foram contempladas com botijões de gás, doados pela Petrobras, em parceria com a Fundação Banco do Brasil e Centro de Ação Comunitária do Rio de Janeiro – CEDAC. ”Recebemos a nossa primeira doação para as famílias de Travessão, e foi através do nosso projeto, tão humilde e simples. Conseguimos dar um grande passo com todas essas famílias”, disse Maria Eduarda.   

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here