Campos inicia campanha para aplicação de dose extra contra a Polio

Foto de uma pessoa recebendo a vacinação - Arquivo

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite terá início na próxima segunda-feira (27), em Campos. O público-alvo são crianças de 2 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias, inclusive as que estão com esquema primário em dia. E, segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a ação vai acontecer em 21 salas de imunização distribuídas pelo município, sendo duas com horário ampliado.

Até o dia 14 de junho, quando encerra a campanha, a expectativa é de ter vacinado 95% das 25 mil crianças que fazem parte do público-alvo. Desta forma todas as crianças de 1 a 4 anos devem receber uma dose extra da vacina oral poliomielite (VOP), também chamada de gotinha. Já as crianças menores de 1 ano receberão a vacina inativada poliomielite (VIP), caso esteja com esquema atrasado.

“Essa é uma campanha indiscriminada, isso significa que precisamos vacinar essa população em massa. As crianças que estivem com a vacina em dia irão receber a dose de reforço. Já aquelas que estiverem com o esquema vacinal incompleto ou com dose atrasada, nós iremos atualizar. É muito importante que os pais ou responsáveis procure um dos postos para imunizar seus filhos”, explica o assessor técnico de Imunização da SMS, Leonardo Cordeiro.

A poliomielite é uma doença grave caracterizada por um quadro de paralisia flácida causada pelo poliovírus selvagem (PVS) tipo 1, 2 ou 3, que em geral acomete os membros inferiores, de forma assimétrica e irreversível. Para tanto, a realização da campanha neste momento é fundamental para a redução do risco de reintrodução do poliovírus no Brasil.

“A campanha contra a poliomielite anterior foi realizada em 2022 e, provavelmente a deste ano será a última porque a vacina oral poliomielite (VOP) estará saindo do calendário de imunização no segundo semestre, conforme anunciado pelo Ministério da Saúde. Com essa alteração, o esquema vacinal e a dose de reforço serão feitos exclusivamente com VIP”, explicou o assessor técnico.

Dentro da campanha também será realizado, o dia 8 de junho, o “Dia D” de mobilização, cuja estratégia será divulgada oportunamente. Para a criança ser vacinada é preciso levar RG ou certidão de nascimento, CPF, Cartão do SUS e a caderneta de vacinação.

CENÁRIO DA VACINAÇÃO PÓLIO NO MUNICÍPIO

Para considerar protegido pelo contra a pólio, a criança precisa fazer o esquema vacinal de três doses da VIP e duas doses de reforço com VOP, por isso os pais e responsáveis legais devem estar atentos e não perder o prazo. Até o momento, em 2024, a cobertura vacina de VIP está em 51,01% e de VOP em 38,26%. Esses dados poderão sofrer alteração a qualquer momento, devido à dinâmica de aplicação diária das vacinas.

SALAS COM HORÁRIO AMPLIADO (SEGUNDA A SEXTA-FEIRA)
Sala de Vacinação—Rua Gil de Góis, nº 132, ao lado do Centro de Referência e Tratamento da Mulher (das 8h30 às 20h)
Clínica da Criança (das 9h até às 18h)

SALAS DE VACINAÇÃO (SEGUNDA A SEXTA-FEIRA, DAS 8H30 ÀS 16H)
Centro de Saúde de Guarus
UBS Penha
UBS Santa Maria
UBS Sentinela do Imbé
UBSF Aldeia
UBSF Conselheiro Josino
UBSF Custodópolis
UBSF Eldorado
UBSF Felix Miranda
UBSF IPS
UBSF Jamil Ábido
UBSF Lagoa de Cima
UBSF Morro do Coco
UBSF Parque Aurora
UBSF Parque Imperial
UBSF Patronato São José
UBSF Santo Amaro
UBSF São Sebastião
UBSF Tocos
UPH Travessão
UPH Ururaí

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here