Vídeo: médicos e enfermeiros homenageiam paciente que decidiu doar órgãos em Cabo Frio

Nicolas, que declarou que queria ser doador, morreu após um acidente de moto

Foto: Rede social

Uma cena diferente foi registrada dentro do Hospital Central de Emergência (HCE), em Cabo Frio. Um paciente que morreu após um acidente de moto, foi encaminhado para o serviço de captação de órgãos, e no meio do percurso, o corpo – que estava em uma maca – foi aplaudido por médicos e enfermeiros que homenagearam o jovem por ele ter decidido doar os órgãos.

Profissionais da unidade fizeram um vídeo que mostra o momento de comoção. A vítima é  Nicolas Matheus, mais conhecido como NC Targino, que teve a morte encefálica (cerebral) constatada e passou pela retirada dos órgãos. Ele doou o rim, pâncreas, fígado e córnea, que podem salvar até quatro vidas. A captação dos órgãos foi realizada pelo Programa Estadual de Transplantes (PET). NC Targino demonstrou em vida a vontade de doar órgãos, e a família autorizou.

Familiares e amigos fizeram uma outra homenagem ao paciente vestindo camisas com a foto do rapaz e percorreram em motocicletas por diferentes ruas de Cabo Frio. Segundos dados divulgados pela Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), até 2018, o Brasil tinha 32.716 pacientes cadastrados em lista de espera para um transplante dos órgãos: rim, fígado, coração, pulmão, pâncreas e córnea.

Veja o vídeo do jovem sendo homenageado no hospital!

Julia Beraldi
Julia Beraldi Administrator
O Milênio