Sede da Junta Militar de Campos é inaugurada

Foto: Divulgação/Supcom

A nova sede da Junta de Serviço Militar de Campos foi inaugurada na manhã desta terça-feira (4), na Rodoviária Roberto Silveira, no Centro do município. O horário para atendimento presencial durante a pandemia será de segunda a sexta das 8h as 12h.

O objetivo é facilitar o acesso da população ao serviço de alistamento militar e proporcionar uma maior integração do Exército junto a Secretaria Municipal de Segurança Pública, já que o órgão também funciona no mesmo endereço. O prefeito Rafael Diniz esteve na inauguração junto com outras autoridades. “Nossa cidade vive uma enorme crise financeira, não temos condições de realizarmos obras, então, junto com o Secretário de Segurança Pública, Darcileu Amaral, pensamos nesse espaço, junto a secretaria e reestruturamos o local. Fizemos um esforço enorme para atender essa importantíssima solicitação do Exército. Com essa iniciativa atenderemos melhor os jovens que buscam o serviço, aos servidores da Junta e ao Exército”, destacou Rafael.

Para o Tenente Ralph César Alves, da 2ª Cia de Infantaria do Exército, hoje é um dia de grandes comemorações. “Estamos muito felizes de termos essa nova sede no centro da cidade, vai facilitar muito a vida de quem precisa vir resolver assuntos relacionados ao alistamento militar. Agora, o serviço está no coração da cidade, não só no Centro, mas na rodoviária, onde todos os ônibus passam. Uma felicidade pra mim que sou campista. Só temos a agradecer a prefeitura”, declarou o tenente.

O secretário da Junta Militar, Fabiano Silva, explicou que os serviços presenciais serão retomadas nesta quarta-feira (5). “O alistamento pode ser realizado online também, mas quem não tem acesso ou não sabe realizar pode vir direto aqui na Junta. Aqui realizamos todos os serviços relacionados ao alistamento, como transferência de domicílios dos candidatos, montagem e finalização dos processos dos cidadãos incapazes ou impossibilitados de prestarem serviço. Com o atendimento no Centro da cidade, o cidadão terá mais facilidade até de pagar as taxas exigidas pelo Exército que são aceitas apenas no Banco do Brasil”, explicou.

Redação
Redação Administrator
O Milênio