Prova do Enem é adiada para 2021

A data de aplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio foi adiada para janeiro e fevereiro de 2021. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (8), pelo secretário-executivo do MEC, Antonio Paulo Vogel, e pelo presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Lopes.

Segundo as informações divulgadas pelo órgão, as provas impressas acontecerão nos dias 17 e 24 de janeiro, com a previsão de 5,7 milhões de pessoas. Já a prova digital, será nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro, para 96 mil inscritos. A reaplicação das provas está prevista para os dias 24 e 25 de fevereiro e o resultado deve ser divulgado a partir de 29 de março. A medida é uma prevenção para evitar riscos de transmissão do coronavírus.

O secretário-executivo garantiu que a redefinição da data não prejudicará o ingresso dos aprovados nas universidades no primeiro semestre de 2021 e que o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) poderá ser aplicado em 2021. Apesar de ter sido adiada, estão previstas mudanças para garantir as segurança dos inscritos durante a aplicação das provas, como: aluguel de mais salas para dar maior espaçamento dos alunos, compra de máscaras e materiais de segurança e oferta de álcool em gel.

Redação
Redação Administrator
O Milênio