Prefeitura de Campos inicia pagamento de servidores na sexta-feira

Aposentados e pensionistas do PreviCampos receberão 75% dos vencimentos nesta quarta-feira (8)

Foto: Arquivo/Supcom

A Prefeitura de Campos informou que vai iniciar nesta sexta-feira (10) o pagamento dos servidores referente ao mês de junho. O poder público informou que fez um cronograma diferenciado em razão da queda de arrecadação do município.

Dentro do novo cronograma, ao longo da sexta-feira, receberão os servidores da Saúde e da Educação. Aposentados e pensionistas do PreviCampos receberão 75% dos vencimentos nesta quarta-feira (8). Os 25% restantes na próxima semana. A forma de pagamento foi aprovada pelo conselho do órgão. Também na próxima semana, mas na quarta-feira, dia 15, receberão os demais servidores da ativa.

Segundo a prefeitura, em comparação a 2019, até junho deste ano, o município já acumula perdas de R$ 132,1 milhões em royalties e PEs somados. Ao mesmo tempo, a folha de pagamento dos servidores é de R$ 73,2 milhões — sendo R$ 15,3 milhões destinados a aposentados e pensionistas do PreviCampos — Instituto de Previdência dos Servidores Públicos de Campos.

Com sucessivas e constantes quedas nas receitas vindas do petróleo, o município de Campos vem acumulando prejuízos. No final de junho recebeu o menor repasse de royalties dos últimos 18 anos – R$ 9.837.674,93. Campos só recebeu um valor baixo referente a royalties semelhante em abril de 2002 – R$ 9,6 milhões. O repasse do mês passado foi 42,5% inferior ao de maio — R$ R$ 16.382.674,93, e 71% menor que o de junho do ano passado (R$ 33.652.417,86). Em Participação Especial o cenário é o mesmo: Em maio, o município recebeu o menor repasse de sua história – R$ 1,1 milhão pela produção do primeiro trimestre de 2020. 

Em nota, o Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação (Sepe) criticou a posição da prefeitura com relação aos pagamentos. “Nós, Profissionais de Educação e Pensionistas da Rede Municipal de Educação de Campos dos Goytacazes, repudiamos o parcelamento dos nossos salários, conforme nota publicada hoje na imprensa oficial. É um desrespeito com profissionais que estão aposentados, pois já cumprimos com nossa responsabilidade e aposentadoria é um direito constitucional. Prefeito Rafael Diniz, não vamos nos calar! Faça o repasse para o Previcampos dos descontos dos ativos em tempo hábil de pagar nosso salário integral”, diz o documento.

Redação
Redação Administrator
O Milênio

Comentários