Policial é preso por suspeita de participar de roubo de R$ 1 milhão em joias em Campos

O militar foi preso quando estava de plantão em uma unidade policial

Policiais da Corregedoria participaram da operação para prender o sargento - Foto: Arquivo

Um sargento do 32º Batalhão de Polícia Militar (Macaé) foi preso em Carapebus durante uma operação da Polícia Civil e da Corregedoria da PM, na manhã desta quarta-feira (6). Ele é suspeito de participar de um roubo de joias que aconteceu no mês de março em Campos, que causou o prejuízo de R$ 1 milhão para a vítima.

O militar, que é campista e tem 46 anos, foi preso dentro de uma unidade policial. Contra ele, havia um mandado de prisão em aberto. Segundo a Polícia Civil, o sargento foi descoberto através do monitoramento de imagens de câmeras de segurança perto do bairro do Caju, onde aconteceu o assalto. A vítima é uma mulher que é dona de uma joalheria. Ela foi rendida e a bolsa com as joias foi roubada.

Até o momento, o material foi roubado não foi recuperado. O carro do policial foi apreendido e levado para a 134ª Delegacia de Polícia (Centro de Campos), onde o crime está sendo investigado. Outros comparsas estariam envolvidos no roubo, mas ainda não foram encontrados.

Redação Administrator
O Milênio

Comentários