Policiais apreendem celulares e drogas em celas de penitenciária de Campos

Policiais penais fizeram uma grande apreensão de celulares nesta quinta-feira (9) na Casa de Custódia Dalton Crespo de Castro, em Campos. Ao todo, foram apreendidos 40 aparelhos e 40 chips, além de uma pequena quantidade de drogas.

A ação foi feita por policiais da Casa de Custódia e também do presídio Carlos Tinoco da Fonseca. Eles revistaram as celas e encontraram os materiais. Os agentes trabalham para saber como esses objetos foram parar nas mãos dos presos.

A Seap ressalta que estas revistas nas unidades prisionais são uma das medidas da nova gestão para coibir o acesso de materiais ilícitos nas unidades prisionais do Rio de Janeiro. As ações serão recorrentes em todo o sistema prisional.

O secretário de administração penitenciária, Fernando Veloso, enfatizou que as revistas nas unidades prisionais ocorrerão em todo o Estado. “As equipes operacionais estão trabalhando incansavelmente para realizar buscas em unidades de diferentes regiões do Estado, reafirmando o compromisso da Seap em coibir o ingresso de materiais ilícitos em todo o sistema prisional fluminense”, afirmou Veloso.

Redação Administrator
O Milênio

Comentários