Polícia investiga golpes do “falso emprego” em Campos

A foto mostra as vítimas reunidas na 134ª Delegacia de Polícia #Pracegover - Foto: Lucas Arantes/NF Notícias

A Polícia Civil investiga golpes do “falso emprego” que foram aplicados em moradores das cidades de Campos, Cardoso Moreira e São Fidélis. De acordo com a polícia, o golpista se passava por um funcionário da Prefeitura de Campos e cobrava dinheiro em troca de emprego de vigilantes e supervisores em uma empresa de segurança que presta serviços para o Detran.

Na tarde dessa segunda-feira (23), vítimas do golpista estiveram na 134ª Delegacia de Polícia (Centro de Campos) para prestar queixa para a Polícia Civil. Ainda segundo os policiais, a suspeita é de que todos os golpes tenham somado um prejuízo de cerca de R$ 40 mil. O homem já foi identificado e é morador de Tócos, na Baixada Campista.

As vítimas desconfiaram do crime depois que o golpista adiou a entrega do uniforme por várias vezes. Ele cobrava valores entre R$ 500 e R$ 900 por cada vaga. A polícia faz buscas pelo criminoso.

Redação Administrator
O Milênio

Comentários