Plantas que sujaram mares da Região dos Lagos são encontradas na praia de Campos

A taboa afastou uma parte dos turistas da Região dos Lagos e gerou incômodo nas prefeituras das cidades

Foto: Leitor/O Milênio

As plantas que sujaram várias praias da Região dos Lagos foram encontradas na tarde desta sexta-feira (3) na Praia Farol de São Thomé, em Campos. As taboas foram encontradas na beira do mar e assustaram os banhistas.

Ao ser procurada pela equipe de reportagem do jornal O Milênio, a Secretaria de Desenvolvimento Ambiental informou que já está ciente sobre o problema e que a vegetação foi encontrada em uma região afastada da praia. O secretário da pasta, Leonardo Barreto, disse que esteve pessoalmente no local e que acredita que as plantas são provenientes das últimas cheias registradas e afirmou ainda que elas chegaram a praia campista, após desaguar no canal das Flechas, através da lagoa Feia. Ainda de acordo com o órgão, a presença dessas plantas não ocasiona impacto ambiental na praia campista.

Até o momento, não há confirmação de que as taboas encontradas na Região dos Lagos são as mesmas que foram vistas na Praia do Farol.

Vegetação nas praias da Região dos Lagos

Cidades turísticas como Cabo Frio, Arraial do Cabo e Búzios sofreram com a invasão de taboas nas praias dos municípios. O caso aconteceu após um acidente que aconteceu no município de Carapebus que levou toneladas de plantas aquáticas para a orla das praias da Região dos Lagos, o que afastou os turistas e causou prejuízo. A Prefeitura de Carapebus foi acionada judicialmente para solucionar o problema.

Redação
Redação Administrator
O Milênio