Operação no presídio masculino de Campos apreende mais de 200 celulares e drogas

Os agentes também apreenderam uma grande quantidade de dinheiro.

Foto: Divulgação/Seap

Agentes da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) realizaram uma operação na manhã desta terça-feira (16) no Presídio Carlos Tinoco da Fonseca, em Campos. Trata-se de uma nova fase da operação “Asfixia” e a ação apreendeu 219 celulares na penitenciária.

Os agentes revistaram as celas e encontraram vários materiais impróprios para um presídio. Ao todo, foram apreendidos pouco mais de R$ 27 mil em dinheiro, 10 tabletes e 505 sacolés de maconha, 491 sacolés e 460 gramas de cocaína, duas balanças de precisão, roupas, tênis e chinelos. Na ocasião, foi encontrado, ainda, um plano de fuga.

A Seap trabalha para saber como que os objetos entraram na penitenciária. O órgão instaurou uma sindicância para apurar o fato. A ocorrência foi registrada na 146ª Delegacia de Polícia (Guarus).

Redação
Redação Administrator
O Milênio