Neto do narrador Luciano do Valle morre após ser baleado em assalto em SP

A foto é uma montagem que mostra Luciano ao lado de Lucas #Pracegover - Foto: Reprodução

O gerente comercial Lucas do Valle, de 29 anos, neto do narrador Luciano do Valle, morreu na noite dessa sexta-feira (17), dois dias depois de ser baleado na cabeça durante um assalto, no Ipiranga, Zona Sul de São Paulo.

Lucas faria 30 anos neste sábado (18). A mãe de Lucas, Alessandra do Valle fez uma homenagem nas redes sociais nesta madrugada. “Deus está te recebendo de braços abertos! Sua mãe te ama incondicionalmente!”, escreveu.

O Hospital São Paulo, onde ele estava internado, informou em nota que ele deu entrada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) após ferimento com arma de fogo em crânio, “com quadro neurológico gravíssimo”.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP), policiais militares foram acionados e, ao chegarem, encontraram a vítima baleada e caída na calçada. Ele foi socorrido e encaminhado ao hospital em estado grave.

De acordo com testemunhas, o gerente comercial chegava para trabalhar quando dois homens em uma moto anunciaram o assalto. Eles atiraram na vítima e fugiram, um na moto e o outro no carro de Lucas.

Os polícias foram informados que depois do assalto o carro havia sido abandonado na Rua do Lago, na Vila Nair. O caso é investigado pelo 17º Departamento Policial (Ipiranga) e, com a morte de Lucas, passou a ser tratado como crime de latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

O narrador esportivo Luciano do Valle morreu em 19 de abril de 2014, aos 66 anos, em Uberlândia (MG), depois de passar mal e ser internado em um hospital particular da cidade. Ele chegava a Uberlândia para cobrir um jogo entre Atlético-MG e Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro (Brasileirão), quando passou mal.

Redação Administrator
O Milênio

Comentários