Músico morre após enchente no Noroeste Fluminense

As cidades do Noroeste Fluminense sofrem com o temporal e com a cheia dos rios

Anderson foi colocado em uma ambulância, mas não resistiu - Foto: Arquivo pessoal

O músico Anderson Titolei morreu neste final de semana após ser arrastado por uma enchente na cidade de Porciúncula, no Noroeste Fluminense. De acordo com a Defesa Civil, a cheia atinge cerca de 85% do município.

O corpo de Anderson foi enterrado na tarde deste domingo (26) no Cemitério Municipal de Porciúncula. Ele foi encontrado morto em uma região que estava inundada, no centro da cidade. A vítima foi resgatada por moradores e colocada em uma ambulância, mas não resistiu.

Na noite deste domingo (26), o prefeito do município declarou estado de emergência em decorrência do temporal. Alguns bairros ficaram totalmente alagados, como são os casos do Operário, Ilha, João Braz, Centro, Olívia Peres, Nova Caeté e Nossa Senhora da Penha.

Redação
Redação Administrator
O Milênio

Comentários