Músico de ONG de Campos no Rio

A foto mostra Fernando tocando um violoncelo #Pracegover - Foto: Arquivo pessoal

O jovem Fernando Baltazar, de 26 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (9) em um hospital do Rio de Janeiro. O músico, que sofria de diabetes profunda, fazia parte da ONG “Orquestrando a Vida”, que tem sede em Campos. Ele fazia tratamento contra uma infecção.

De acordo com amigos de Fernando, o jovem recebeu recentemente um transplante duplo de rim e pâncreas, mas sofreu complicações de saúde depois que o organismo rejeitou um dos órgãos. Além da ONG, ele também fazia parte da Associação Amigos do Rim, onde era muito querido.

A morte foi lamentada por amigos e familiares nas redes sociais. O campista se destacava com o violoncelo e participou de orquestras do Orquestrando a Vida.

Redação Administrator
O Milênio

Comentários