Mais de 100 casas são demolidas durante operação em Arraial do Cabo

As residências foram construídas irregularmente em uma área do Parque Estadual da Costa do Sol.

Área onde aconteceu a operação - Foto: Inea

Uma operação realizada em conjunto pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Ministério Público Estadual e a Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, nesta quinta-feira (15), demoliu mais de 100 casas que foram construídas irregularmente em uma área do Parque Estadual da Costa do Sol, em Arraial do Cabo.

A ação foi acompanhada pela secretária de estado do Ambiente e Sustentabilidade, Ana Lúcia Santoro, e pelo presidente do Inea, Claudio Dutra, além de policiais militares que deram apoio na operação. De acordo com o Inea, os proprietários das construções foram notificados sobre a ilegalidade, mas como descumpriram a ordem de não edificarem em área protegida, as habitações foram demolidas por determinação judicial, por meio de ação promovida pelo Ministério Público Estadual.

A operação foi desencadeada com base nos alertas emitidos pelo Projeto Olho no Verde da Seas, que monitora a cobertura florestal do estado do Rio de Janeiro, via imageamento por satélite e de processamento de dados espaciais. A operação aconteceu no bairro de Monte Alto. Cinco retroescavadeiras foram utilizadas nas demolições e as concessionárias fizeram a retirada das instalações de energia elétrica e hidráulicas.

Redação Administrator
O Milênio

Comentários