Loja é interditada após receber clientes no Centro de Campos

O decreto municipal diz que os estabelecimentos não podem atender clientes de forma presencial

Agente da Vigilância Sanitária de Campos colando papel informando sobre a interdição do estabelecimento #Pracegover

Fiscais da Vigilância Sanitária flagraram nesta segunda-feira (29) uma loja atendendo clientes de forma presencial. O estabelecimento, localizado na Avenida Alberto Torres, no Centro de Campos, foi interditado e multado. Em caso de reincidência, será cassado o alvará de funcionamento.

As pessoas que estavam no local foram orientadas a sair e efetuarem as compras no sistema delivery. Dentro do estabelecimento, ainda estava uma criança acompanhada de adultos, levando o espaço a cometer mais uma infração, já que nos estabelecimentos permitidos a funcionar está proibida a entrada de menores de 10 anos. 

De acordo com o órgão, a loja descumpriu o que determina o Decreto 105/2021, que esclarece que os estabelecimentos comerciais deverão manter fechados os acessos do público, ficando proibido o atendimento nas portas dos empreendimentos (pelo sistema de “take-away”), sendo permitido o sistema de vendas por meio de “delivery”. Ainda segundo o decreto, em se tratando de estabelecimento comercial, o mesmo está sujeito a sanções já previstas em legislação municipal, inclusive com a cassação de alvará.

A Vigilância Sanitária orienta a população que, em caso de flagra de algum estabelecimento comercial em discordância com o decreto vigente, denuncie através do telefone: (22) 98168-0244. O anonimato é garantido.

Redação
Redação Administrator
O Milênio

Comentários