Irmã Suraya Chaloub morre aos 88 anos

A morte foi profundamente lamentada nas redes sociais

Foto: Arquivo pessoal

A Irmã Suraya Chaloub, de 88 anos, morreu na manhã deste domingo (20) em Campos. Em maio, ela foi internada em um hospital após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico e recebeu alta no mês seguinte. A morte foi profundamente lamentada nas redes sociais.

O Centro Educacional Nossa Senhora Auxiliadora (Censa), uma das escolas que a educadora dirigiu, comentou o falecimento. “Na certeza de que a Irmã Suraya já foi recebida com luz e se encontra nos braços poderosos de Nossa Senhora Auxiliadora e do Nosso Pai, rezemos. Ela parte deixando-nos o exemplo da ética, humanidade, empreendedorismo, salesianidade e dedicação ao jovem”, diz a nota.

O velório e o sepultamento serão restritos à família da idosa devido à pandemia do coronavírus. A Irmã Suraya, que é natural de Macaé, ficou reconhecida após fazer um belo trabalho durante décadas na rede de ensino no Norte Fluminense.