Gilmar Mendes manda soltar Garotinho e Rosinha

Foto: Arquivo/O Globo

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes mandou soltar, na tarde desta quinta-feira (31), os ex-governadores do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho (sem partido) e Rosinha (Patriota). O casal não pode deixar o país sem autorização e não podem entrar em contato com testemunhas do processo.

De acordo com a Polícia Federal, o casal é suspeito de participar de uma ação fraudulenta que envolveu a prefeitura de Campos e uma concessionária responsável por fazer obras de casas populares. Os crimes se referem ao período em que Rosinha foi prefeita da cidade, entre os anos de 2008 e 2016.

A dupla já deixou o presídio de Benfica e está em casa.

Redação
Redação Administrator
O Milênio