Em greve, servidores municipais protestam na frente da Prefeitura de Campos

Foto: Reprodução

Em greve por tempo indeterminado, servidores municipais de Campos fizeram um protesto em frente à sede da Prefeitura de Campos, na manhã desta terça-feira (17). A greve, que foi definida na última sexta-feira (13), tem o objetivo de pedir por reajuste salarial.

O movimento é liderado pelo Sindicato dos Profissionais Servidores Públicos (Siprosep), que afirma que o reajuste deveria ser de 15% se o Portal de Transparência do município for observado, mas os servidores aceitam percentuais menores. Eles afirmam também que estão sem aumento salarial há 7 anos e com o valor que recebem atualmente, têm sofrido já que o preço dos produtos e serviços tem aumentado regularmente.

A prefeitura afirma que não é possível realizar esse aumento sem comprometer as contas do município no momento. Nessa segunda-feira (16), representantes da Prefeitura de Campos voltaram a se reunir com a diretoria Siprosep para complementar informações solicitadas e buscar soluções para a categoria a partir da realidade financeira do município, de modo a não ultrapassar o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e não comprometer o que foi pactuado com o Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ), que prevê redução gradativa do uso dos royalties para folha de pagamento até 2024. Segundo a Prefeitura, a Secretaria de Administração e Recursos Humanos está concluindo estudos sobre benefícios extras que podem ser concedidos no contexto dos limites legais existentes hoje como forma de compensar e implementar mais avanços para os servidores públicos municipais.

Servidora pública em apoiando a greve

Comentários