Deputados vão ouvir responsáveis por novo vazamento na Bacia de Campos

Houve um vazamento de 6,6 mil litros de óleo.

Foto: Divulgação
Wladimir Garotinho solicitou que as causas sejam explicadas – Foto: Ascom

A pedido do deputado federal Wladimir Garotinho (PSD), a Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados fará uma audiência pública para cobrar explicações e apurar a extensão do novo vazamento de óleo na Bacia de Campos, no Norte Fluminense.

Inicialmente, a Petrobras divulgou que foram 1,2 mil litros de óleo, mas foi constatado que o volume é de 6,6 mil litros. Em reunião na manhã desta quarta-feira (28/08), a Comissão concordou em convidar o presidente da Modec Brasil, Takashi Nishino, para dar explicações sobre o novo incidente.

Integrantes da Agência Nacional do Petróleo (ANP) e dos ministérios do Meio Ambiente e Minas e Energia também serão ouvidos. Segundo a Petrobras, a empresa Modec, proprietária e operadora da plataforma FPSO, comunicou a existência de trincas no casco da embarcação na última sexta-feira. A retirada das 107 pessoas que estavam embarcadas foi concluída nessa segunda-feira (26), quando novas avaliações constataram aumento nas fendas.

“Apesar de a Petrobras não confirmar oficialmente, há risco de afundamento. Importante que a Comissão tenha entendido a urgência de cobrar explicações sobre este novo desastre ambiental na Bacia de Campos”, afirmou Wladimir.

Redação
Redação Administrator
O Milênio