Covid-19: Prefeitura de Campos decreta toque de recolher e proíbe venda de bebidas alcóolicas após 23h

Na segunda-feira (30), o município, que estava na fase verde, voltou para a fase amarela, onde outras medidas restritivas também foram impostas

Foto: Arquivo

A Prefeitura de Campos divulgou nesta sexta-feira (4) mais medidas restritivas para conter a propagação da Covid-19 no município, que já valem a partir deste sábado (5) e seguem até o dia 13 de dezembro. Entre as novas ações, está o toque de recolher entre meia-noite e 5 horas.

Segundo o novo decreto, fica proibida a permanência de qualquer indivíduo em ruas, parques e praças públicas, entre o horário determinado. Ficam excetuadas desta vedação as hipóteses de deslocamento por força de trabalho, para ida a serviços de saúde ou farmácias, para compra de insumos alimentícios e congêneres essenciais à subsistência, os profissionais, professores e pesquisadores das instituições de ensino e pesquisa que atuam em parceria com o município para desenvolvimento de soluções para o combate à pandemia da Covid-19, os profissionais e serviços de saúde, incluindo farmácias, forças de segurança, incluindo vigilantes, advogados no exercício da profissão, serviços de telecomunicação e energia e demais situações de emergência.

Fica vedada a realização de todos os tipos de eventos, tanto públicos quanto particulares, em casas de festas ou similares, em bares ou restaurantes, em condomínios ou em casas particulares. A partir do próximo sábado também está proibido o consumo e comércio de bebidas alcoólicas em vias e espaços públicos a partir das 23 horas. O documento também determina a proibição da utilização de música como entretenimento de forma mecânica com DJ ou similar ou ainda música ao vivo, em bares, restaurantes ou similares. Sobre o atendimento ao público, também estará proibido o serviço em balcões, pessoas em pé, em calçadas ou similares, em bares, restaurantes e similares.

O cumprimento do decreto será fiscalizado através de bloqueio e interdição de vias e blitz fiscalizatória em todos os pontos da cidade. Todos os eventuais deslocamentos entre os horários proibidos deverão ser esclarecidos à autoridade pública em caso de abordagem.

Redação
Redação Administrator
O Milênio