Caminhoneiro é a primeira morte confirmada por coronavírus em Campos

Hudson Pinto dos Santos, de 39 anos, morava na Penha e esteve em São Paulo recentemente

Imagem meramente ilustrativa

Campos registrou a primeira morte por coronavírus na tarde deste sábado (4). A vítima é o caminhoneiro Hudson Pinto dos Santos, de 39 anos. Ele deu entrada na UPH São José, na Baixada Campista, no dia 4, quando começou a sentir os sintomas da doença.

Após ser atendido na UPH, o paciente foi encaminhado para o Hospital Geral de Guarus (HGG). Depois do teste, foi constatado que a vítima estava com o vírus. Ela foi levada para o Centro de Controle e Combate ao Coronavírus (CCC) de Campos, onde morreu. De acordo com a família, antes dos sintomas, Hudson não tinha graves problemas de saúde.

O caminhoneiro era morador da Penha e esteve no estado de São Paulo recentemente. De acordo com dados divulgados pela prefeitura, até a noite deste sábado (11), Campos tinha 14 casos confirmados da doença.

Redação
Redação Administrator
O Milênio

Comentários