Caio Vianna e Rafael Diniz prestam depoimentos como vítimas em processo sobre fake news

Caio Vianna (PDT) e o atual prefeito (Rafael Diniz) prestaram depoimentos no processo do Ministério Público Eleitoral (MPE), que denunciou fake news (notícias falsas) da chapa de Wladimir Garotinho (PSD), vencedor das eleições.

De acordo com o MPE, o grupo de Garotinho abusou do poder econômico para propagar fake news. Caio e Rafael foram procurados para participarem do processo como vítimas das notícias falsas. Ainda segundo o MPE, foram criados conteúdos falsos para prejudicar as campanhas eleitorais dos dois.

Entre as supostas fake news espalhadas pelas redes sociais, está uma possível aliança de Rafael com Caio, no 2º turno das eleições, mas os dois negaram que houve apoio. Em nota, a assessoria de imprensa de Wladimir afirmou que o político fez uma campanha limpa e sem divulgação de fake news. A nota diz ainda que essa é uma tentativa de criminalizar o debate eleitoral.

Comentários