Cachorro que matou criança em Campos é recolhido pelo CCZ; polícia investiga o caso

Rihanna Mendes de Souza estava brincando em casa no momento em que foi atacada pelo animal

O cachorro da raça pitbull que atacou e matou Rihanna Mendes de Souza, de 6 anos, nessa terça-feira (5) foi recolhido pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) nesta quarta-feira (6) para passar por avaliação de veterinários. O caso segue em investigação na 146ª Delegacia de Polícia (Guarus).

A prefeitura informou que o órgão foi acionado pela Polícia Civil na manhã desta quarta-feira. “O animal passa por avaliação dos veterinários e depois de concluídas as informações serão repassadas para a polícia que vai decidir sobre o destino do cachorro”, concluiu a nota. A assessoria da Polícia Civil informou ao jornal O Milênio que de acordo com a delegacia, as diligências estão sendo realizadas para apurar todas as circunstâncias dos fatos, assim como o ato de localizar o dono do animal, que é vizinho da família da família da criança.

Rihanna brincava com outras duas crianças em Casa, no bairro Parque Aldeia, quando foi atacada pelo cachorro que teria pulado o muro. A menina chegou a ser levada para o hospital, mas morreu horas depois. O caso gerou centenas de lamentações nas redes sociais.

Comentários