Bebê espancado pelo pai em São Fidélis perde rim direito e a metade do esquerdo

Internado no Hospital Ferreira Machado, o menino precisa de doações de sangue

Na imagem contém o bebê com ferimentos #PraCegoVer

O bebê que foi espancado pelo pai em São Fidélis na última sexta-feira (2) continua internado em estado grave na UTI pediátrica do Hospital Ferreira Machado (HFM), em Campos. Segundo a família, o pequeno Dominique perdeu o rim direito e metade do esquerdo e agora luta para sobreviver. Para isso, é necessário que mais pessoas contribuam com doação de qualquer tipo de sangue no Hemocentro Regional em nome da criança.

A equipe médica aguarda que o quadro de saúde do bebê apresente melhoras para que ele possa ser submetido a uma cirurgia. O menino foi levado para o hospital Armando Vidal, em São Fidélis, com lesões em todo o corpo e precisou ser encaminhado para o HFM. Segundo a equipe responsável pelo atendimento médico, o bebê chegou a unidade com diversas lesões pelo corpo, como afundamento de crânio, fratura de costelas e mordidas pelo corpo. A equipe detectou que os hematomas estavam em estágio de evolução, o que, segundo a polícia, tende a caracterizar a denominada síndrome de Silverman, ou síndrome da criança espancada.

A Polícia Civil informou que durante o depoimento, o pai do menino confessou ter agredido o filho e o motivo é que a criança chorava demais. A mãe de Dominique teria tentado mentir para a polícia, afirmando que a criança foi espancada por sequestradores. O casal foi autuado em flagrante: o pai responderá criminalmente por tortura e lesão corporal, e a mãe pelo crime de tortura por omissão.

Redação
Redação Administrator
O Milênio

Comentários