Após suspensão da barreira sanitária em SJB, prefeitura anuncia que vai entrar na Justiça

A Prefeitura de São João da Barra pretende manter a barreira sanitária que foi suspensa neste sábado (23) pela PRF

Barreira sanitária em São João da Barra - Foto: Arquivo

A barreira sanitária que estava instalada na entrada do município de São João da Barra (SJB) foi suspensa pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na madrugada deste sábado (23). A prefeita Carla Machado anunciou que vai mover uma ação na Justiça para ter o direito de manter a barreira sanitária da BR 356, próximo a Barcelos, a fim de controlar o fluxo de veículos que chegam ao município.

Em transmissão ao vivo no Facebook no início da tarde, Carla pediu que as pessoas continuem respeitando as medidas dos decretos e portarias da Prefeitura para conter o avanço da pandemia. A Procuradoria Geral do Município encaminhou ofícios para a PRF, Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público Estadual (MPE) e ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit).

Enquanto a barreira continua suspensa, a prefeitura segue com o trabalho de conscientização e fiscalização na orla e em todos os distritos, a fim de assegurar o cumprimento das medidas de distanciamento e uso obrigatório de máscaras faciais e das demais restrições que constam nos decretos municipais.

— Vamos à Justiça para tentar manter a barreira sanitária, que tem sido tão importante dentro do conjunto de medidas que estamos tomando desde março para proteger a população o máximo possível. Não quero que aconteça de alguém no município precisar de oxigênio para salvar a sua vida, para diminuir seu sofrimento, e não termos para atender. Por isso peço que cada um siga fazendo a sua parte — disse a prefeita.

Redação
Redação Administrator
O Milênio