Após espancar companheira em Campos, lutador paga fiança e é solto

O homem havia sido preso após levar a vítima para o hospital afirmando que o casal sofreu um acidente de trânsito.

O caso é investigado na 134ª Delegacia de Polícia (Centro) - Foto: Arquivo/O Milênio

O lutador preso por espancar a namorada no último domingo (18) em Campos, já foi solto. Após ser autuado na Lei Maria da Penha, ele pagou uma fiança no valor de R$ 10 mil e foi liberado. As agressões aconteceram dentro de um carro.

A vítima de 32 anos foi levada pelo companheiro para o Hospital Ferreira Machado (HFM). O homem deu entrada na unidade e pediu por ajuda após dizer que os dois haviam sofrido um acidente de trânsito. Os funcionários desconfiaram e acionaram a polícia.

A polícia foi até o hospital e prendeu o lutador, que também é professor em uma academia da cidade, mas de acordo com a empresa, o profissional será desligado por causa da agressão. A mulher sofreu ferimentos graves na face, mas já se recupera e teve alta do HFM nesta segunda-feira (19). O caso segue em investigação na Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam).

Redação
Redação Administrator
O Milênio