Após assaltos, motoboys de Campos fazem manifestação e pedem por mais segurança

Os motoboys têm trabalhado mais durante a pandemia, mas sofrem com a violência

O grupo se reuniu na frente do Teatro Trianon - Foto: Leitor/O Milênio

Motoboys de Campos fizeram uma manifestação na tarde dessa segunda-feira (11) no Centro e pediram por mais segurança aos profissionais do ramo. De acordo com os manifestantes, eles têm sido alvos frequentes de assaltos durante as entregas. Com a pandemia do coronavírus, esses motociclistas têm feito mais corridas do que o normal, mas acabam sendo alvos de violência.

Os profissionais se reuniram na frente do Teatro Trianon, na Rua Marechal Floriano, e seguiram para a sede do 8º Batalhão de Polícia Militar, onde solicitaram que fosse feito um patrulhamento maior em determinadas áreas. No encontro com a PM, os manifestantes informaram que os crimes têm acontecido na área central e nos Parques Santo Amaro e São Caetano, sendo que nove motoboys foram assaltados nas últimas duas semanas, de acordo com os participantes do ato.

Procurada pela equipe de reportagem do jornal O Milênio para falar sobre um possível reforço na segurança, a PM informou que atua com base na análise das “manchas criminais”, que são locais com maior índice de violência. A nota diz ainda que o policiamento é realizado diariamente em diferentes regiões das cidades.

Redação Administrator
O Milênio

Comentários