Agente penitenciário é morto em condomínio de Campos e esposa é detida

A mulher é suspeita de ter matado o marido

A vítima foi levada para o Hospital Ferreira Machado - Foto: Arquivo/O Milênio

O agente penitenciário Misael Almeida, de 44 anos, foi morto a tiros na madrugada desta segunda-feira (24) dentro de um condomínio localizado no Parque Santa Clara, na região de Guarus, em Campos. De acordo com a Polícia Militar, a esposa da vítima foi detida por suspeita de ter matado o marido.

A PM informou que foi acionada por vizinhos que afirmaram que o casal discutia e que tiros foram ouvidos. Misael ainda chegou a ser levado para o Hospital Ferreira Machado, mas não resistiu aos ferimentos. Ainda não se sabe como começou o desentendimento da dupla.

No local, foi apreendida a arma usada e cinco munições. A ocorrência é investigada na 146ª Delegacia de Polícia (Guarus), para onde a esposa da vítima foi levada. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Campos.

Redação
Redação Administrator
O Milênio